Search
quinta, 26 de maio de 2022
  • :
  • :

Relatório da ABERT confirma relevância do rádio no Brasil.

Relatório da ABERT confirma relevância do rádio no Brasil.

Nove em cada dez adultos conectados escutam rádio offline no Brasil. O dado está no relatório “Rádio: credibilidade, resultado e união nacional”, lançado durante o encontro “Rádio: mercado em sintonia”, na quarta-feira (25), em São Paulo (SP).De acordo com o estudo, o veículo é líder em confiança entre os brasileiros: 64% das pessoas acreditam que as notícias de rádio são verdadeiras e mais da metade dos ouvintes ligam o rádio porque querem se informar.Quando usado de forma combinada, o rádio fortalece todas as mídias e traz resultados ainda maiores para agências e anunciantes. Publicações feitas junto com revistas, por exemplo, atingem quase três vezes mais consumidores.Os 500 participantes do evento receberam um pen drive em formato de cartão com o relatório da ABERT e o estudo da Kantar/Ibope. “Essas informações respondem a uma demanda por estudos do meio rádio. Nós temos muitos dados sobre o rádio, mas que estavam dispersos, dificultando a análise”, explicou o jornalista Fernando Morgado, que trabalhou no estudo. “A ABERT escolheu as melhores pesquisas e as mais atuais com fonte de credibilidade reconhecida, são dados que mostram a força do rádio com argumentos de textos, gráficos, dados e números. A gente precisa usar esse relatório nas defesas comerciais, treinar as equipes de venda. E de uma maneira muito prática: a linguagem está muito acessível, os gráficos são objetivos”, afirmou ele.O relatório ainda mostra que oito em cada dez ouvintes possuem rádio convencional e um em cada quatro escuta rádio no carro. O consumo de rádio online por meio de smartphones também tem crescido: uma a cada cinco pessoas escuta rádio pelo celular.O estudo completo está disponível aqui.

FONTE: ABERT




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *